KLM uses cookies.

KLM’s websites use cookies and similar technologies. KLM uses functional cookies to ensure that the websites operate properly and analytic cookies to make your user experience optimal. Third parties place marketing and other cookies on the websites to display personalised advertisements for you. These third parties may monitor your internet behaviour through these cookies. By clicking ‘agree’ next to this or by continuing to use this website, you thereby give consent for the placement of these cookies. If you would like to know more about cookies or adjusting your cookie settings, please read KLM’s cookie policy.

Parece que o seu navegador está desatualizado.
Para utilizar todas as funcionalidades de KLM.com de forma segura, recomendamos que você atualize o seu navegador ou que você escolha um diferente. Se continuar com esta versão, é possível que partes do site não sejam exibidas adequadamente, ou que nem sejam exibidas. A segurança de seus dados pessoais também é melhor garantida com um navegador atualizado.

 

O verdadeiro Bahrein: Muharraq

Muharraq, antiga capital do Bahrain, possui o clima das mil e uma noites. Caminhe pelas ruas estreitas desta parte típica do Bahrein e descubra um castelo antiquíssimo e uma antiga mesquita com um minarete feito de argila. As casas tradicionais ostentam portas lindamente decoradas e cata-ventos que giram com a brisa. Visite as antigas docerias e casas de chá nas quais os habitantes do Bahrein relaxam fumando um narguilé vestidos com a tradicional dishdasha.

Atualmente, o Bahrein é um centro comercial próspero e estrategicamente localizado. Antes da descoberta do petróleo, o país era um tranquilo e isolado estado insular. Os habitantes viviam do comércio de pérolas, da confecção de artesanatos e da pesca. Cruze a ponte na moderna capital Manama e volte no tempo na ilha de Muharraq. Ao longo das últimas décadas, muitas das tradicionais casas árabes foram reformadas e transformadas em museus, centros culturais e hotéis butique. Confira três das principais atrações de Muharraq.

Beit Sheikh Isa Bin Ali

O Palácio Real

Um dos principais exemplos da arquitetura islâmica tradicional é o Palácio do Sheik Isa Bin Ali al-Khalifa, que foi Rei do Bahrein por seis décadas a partir de 1869. Embora a maioria das casas sejam bem pequenas e construídas umas próximas das outras, o palácio ocupa um quarteirão inteiro. Ele tem quatro alas, uma para o rei, uma para suas esposas, uma para os empregados e uma para os convidados, e é cercado por portas lindamente esculpidas em madeira. As figuras geométricas nas janelas deixam entrar uma luz suave.

Doceria antiga

Dentro e ao redor do souk, é possível encontrar inúmeras lojas que vendem halwa, doces tradicionais do Bahrein feitos com nozes, farinha de milho e açafrão ou cardamono. A loja de Hussain Moh'd Showaiter tem 150 anos e é um verdadeiro museu, com balcão de mogno, vitrines, teto azul-celeste e elegantes luminárias em estilo art déco. O halwa, uma mistura do baklava turco e de uma geleia bem doce, é retirado de uma grande panela quente para ser saboreado com uma deliciosa xícara de café.

Loja de doces de Hussain Moh’d Showaiter
Dhows no porto pesqueiro

Construtores de barcos a vela

Por trás das reluzentes torres gêmeas do World Trade Centre, há diversos barcos a vela prontos para ganhar os mares. Esses tradicionais barcos árabes com casco curvo, velas enormes e mastro longo ainda são construídos no estaleiro do porto de Muharraq. Atualmente, eles são raramente usados no mergulho à procura de pérolas e na pesca e servem prioritariamente como meio de transporte. O ofício é passado de pai para filho e a construção dispensa desenhos.

Créditos das fotos

  • Beit Sheikh Isa Bin Ali: Sander Groen
  • Loja de doces de Hussain Moh’d Showaiter: Sander Groen
  • Dhows no porto pesqueiro: Sander Groen