KLM uses cookies.

KLM’s websites use cookies and similar technologies. KLM uses functional cookies to ensure that the websites operate properly and analytic cookies to make your user experience optimal. Third parties place marketing and other cookies on the websites to display personalised advertisements for you. These third parties may monitor your internet behaviour through these cookies. By clicking ‘agree’ next to this or by continuing to use this website, you thereby give consent for the placement of these cookies. If you would like to know more about cookies or adjusting your cookie settings, please read KLM’s cookie policy.

Parece que o seu navegador está desatualizado.
Para utilizar todas as funcionalidades de KLM.com de forma segura, recomendamos que você atualize o seu navegador ou que você escolha um diferente. Se continuar com esta versão, é possível que partes do site não sejam exibidas adequadamente, ou que nem sejam exibidas. A segurança de seus dados pessoais também é melhor garantida com um navegador atualizado.

 

Canecas de cerveja e bandas de música

Já vai longe o tempo em que só os moradores da Baviera contavam os dias até setembro chegar: o que começou como uma celebração de casamento transformou-se na famosa Oktoberfest, o maior festival de cerveja do mundo, com direito a canecas de cerveja de um litro, oompah-pah (a música típica da Baviera) e calças de couro.

Uma procissão de carruagens e carroças puxadas por cavalos, carregadas de barris de cerveja, anuncia a abertura do festival anual de cerveja em fins de setembro. Patronos e cervejeiros orgulhosamente acompanham a procissão até suas tendas de cerveja no Theresienwiese. Usando calças de couro, o prefeito de Munique dá a partida ao festival, servindo a primeira cerveja. Depois de uma exclamação promissora de “O’ Zapft is!”, o que significa em tradução livre “o barril está aberto”, o interminável fluxo de cerveja começa a correr.

Cinco tendas especiais

A cerveja é a bebida em destaque nas 14 tendas de Theresienwiese, no centro de Munique. Quando você pede uma cerveja, servem-lhe uma caneca de um litro, cheia até a borda. Contudo, as tendas são todas diferentes entre si. A tenda Schottenhammel é a mais tradicional, onde se reúnem estudantes e artistas. A tenda Paulanerbräu atrai um público um pouco mais velho e é lindamente decorada. Na guilda de arqueiros Winzerer Fähndl, a carne fresca de caça é tão importante quanto a cerveja. A melhor cerveja é servida na Augustiner Festhalle: produzida pela mais antiga cervejaria de Munique, a cerveja é tirada de barris de carvalho. Você não achará nenhuma cerveja nem bancos na tenda Kufflers: aqui os convidados sentam-se em cadeiras de madeira e saboreiam vinho, cidra e champanhe – exatamente como num jardim de vinho.
Uma das tendas da festa
Oktoberfest chicken

Norma da festa

A Oktoberfest nasceu da celebração de casamento do rei bávaro Ludwig e da Princesa Therese em 1810. Hoje o evento começa em setembro, devido ao clima um pouco mais ameno. A celebração é repleta de tradições. A cerveja dourada da Oktoberfest, servida em um “Maß” – caneca de um litro –, é acompanhada por petiscos como pretzels e “Hendl”, frango assado. Nas tendas da festa, bandas de música tocam música bávara.

Créditos das fotos

  • Uma das tendas da festa: Pavel L. Photo and Video, Shutterstock