KLM uses cookies.

KLM’s websites use cookies and similar technologies. KLM uses functional cookies to ensure that the websites operate properly and analytic cookies to make your user experience optimal. Third parties place marketing and other cookies on the websites to display personalised advertisements for you. These third parties may monitor your internet behaviour through these cookies. By clicking ‘agree’ next to this or by continuing to use this website, you thereby give consent for the placement of these cookies. If you would like to know more about cookies or adjusting your cookie settings, please read KLM’s cookie policy.

Parece que o seu navegador está desatualizado.
Para utilizar todas as funcionalidades de KLM.com de forma segura, recomendamos que você atualize o seu navegador ou que você escolha um diferente. Se continuar com esta versão, é possível que partes do site não sejam exibidas adequadamente, ou que nem sejam exibidas. A segurança de seus dados pessoais também é melhor garantida com um navegador atualizado.

 

Chichén Itzá: uma Maravilha do Novo Mundo

Os Maias foram uma civilização altamente desenvolvida. Seu império, escondido na floresta tropical, consistia de enormes palácios e pirâmides imponentes. Embora tenham ocupado a península de Yucatán no México muito antes, eles aperfeiçoaram suas técnicas de construção por volta do ano 900 D.C. A cidade mais importante de Yucatán remonta a este período. Chichén Itzá. Venha explorar esta famosa e bela cidade Maia.

O Popol Vuh, o sagrado livro religioso da Era Clássica da civilização Maia, contém sua própria história sobre a criação. Os deuses Maias criaram a terra, o céu e o sol. Do milho fizeram as pessoas: músculos de sabugos, membros de massa de milho, a mente humana de farinha de milho e o sangue de suco de milho. O povo do milho deixou sua marca no mundo imediatamente, um pouco hesitante de início com túmulos modestos, mas depois bem elaborado, com cidades inteiras repletas de palácios, templos e pirâmides, e depois, estruturas sofisticadas cobertas com decorações altamente ornamentadas.

Chichén Itzá
Chichén Itzá

Cancun

Uma imponente cidade Maia

O Templo de Kukulcán em Chichén Itzá se uniu às famosas maravilhas de arquitetura como a Grande Muralha da China, Machu Picchu e o Taj Mahal na lista das Sete Novas Maravilhas do Mundo. A impressionante pirâmide simboliza a grandeza da civilização Maia. O acinzentado colosso branco possui 30 metros de altura e exatamente 365 degraus do templo até o topo – também o número de dias no calendário Maia.
Os Maias foram uma sociedade altamente desenvolvida, com uma forte cultura de arte e artesanato, comércio e ciência. Eram particularmente qualificados em matemática e astronomia, e sozinhos inventaram o número 0. Sem computadores ou calculadoras, criaram uma fenômeno único que acontece aqui 2 dias por ano: durante a primavera e no equinócio do outono, a borda da sombra do sol é lançada na pirâmide formando uma serpente que desce os degraus.
Esta serpente, encontrada em muitos ornamentos em Chichén Itzá, representa Topiltzin Quetzalcoatl, conhecida como a ‘Serpente Emplumada’. Por volta da passagem do último milênio, ele regeu o império Maia e depois foi adorado como um deus Maia com o nome de Kukulcán. Ele desenvolveu Chichén Itzá em uma capital gloriosa, com um mercado, aqueduto, campo para jogo de bola, casa de banho, altar de sacrifício e convento, um observatório na forma de uma concha de caracol e incontáveis templos e palácios - cada estrutura mais elaboradamente decorada que a outra, com hieróglifos, esculturas de animais e deuses, incluindo a divindade onipresente da chuva Chac, com seu nariz torto. Um dia inteiro deve ser reservado para que se possa sentir a grandeza de Chichén Itzá em sua plenitude.

+ Ler mais

Tulum, uma cidade ao longo do Ruta Maya

Caminhada pela trilha Maia

Os destaques do império Maia estão localizados ao longo da La Ruta Maya, que serpenteia pelo México, Guatemala, Honduras e Belize e pode ser explorada com um carro alugado ou transporte público. Além das ruínas, também há cidades coloniais, lagos montanhosos pitorescos e vilarejos indígenas coloridos para desfrutar ao longo do caminho. Há hotéis em todas as faixas de preço, de pousadas espartanas a fazendas luxuosas. Viajar pela Ruta Maya leva cerca de um mês. Aqueles com menos tempo podem desfrutar uma parte do percurso.

O observatório, ou 'concha de caracol'

Riviera Ensolarada Maia

Yucatán tem muito mais a oferecer do que locais históricos do antigo império Maia. Ao longo da ‘La Riviera Maya’ na costa leste Caribenha, Cancun e Playa del Carmen são os resorts mais populares entre banhistas. Aqui, você encontrará muitas lojas, restaurantes e é claro, uma vida noturna agitada. Três enormes navios de cruzeiro atracam na ilha de Cozumel diariamente, trazendo multidões. Porém, também há belos resorts à beira-mar ao longo da costa leste que ainda não foram tomados por turistas. Estes resorts, como Puerto Morelos e Punta Bete, de primorosas praias com palmeiras inclinadas mantiveram sua atmosfera tradicional.

Praia tranquila na costa leste de Cozumel