KLM uses cookies.

KLM’s websites use cookies and similar technologies. KLM uses functional cookies to ensure that the websites operate properly and analytic cookies to make your user experience optimal. Third parties place marketing and other cookies on the websites to display personalised advertisements for you. These third parties may monitor your internet behaviour through these cookies. By clicking ‘agree’ next to this or by continuing to use this website, you thereby give consent for the placement of these cookies. If you would like to know more about cookies or adjusting your cookie settings, please read KLM’s cookie policy.

Parece que o seu navegador está desatualizado.
Para utilizar todas as funcionalidades de KLM.com de forma segura, recomendamos que você atualize o seu navegador ou que você escolha um diferente. Se continuar com esta versão, é possível que partes do site não sejam exibidas adequadamente, ou que nem sejam exibidas. A segurança de seus dados pessoais também é melhor garantida com um navegador atualizado.

 

Esplendor colonial em San Telmo

O bairro animado de San Telmo fica apenas a seis quarteirões da Plaza de Mayo. Com sua glória passada, ruas estreitas de pedra, um mercado de rua fabuloso e praças onde as pessoas dançam tango, San Telmo é uma das atrações mais populares de Buenos Aires.

Os edifícios meio decadentes de San Telmo são parte do charme desse bairro. As ruas atraem jovens artistas e intelectuais que se instalaram em massa em San Telmo. O bairro também abriga pequenas padarias familiares, encantadoras lojas de antiguidades e bares descolados, fazendo de San Telmo um dos bairros mais queridos de Buenos Aires.

Igreja de S. Pedro González Telmo
Igreja de S. Pedro González Telmo

Buenos Aires

Nova e velha arquitetura em San Telmo

Esplendor colonial

San Telmo surgiu no século XVII como um bairro de trabalhadores. Naquela época, a Calle Defensa era nada mais que um caminho que levava até o porto. O bairro era basicamente residência de estivadores, pescadores e escravos. No século XIX, a infraestrutura do bairro se desenvolveu e instalaram-se lampiões a gás nas ruas. Essas melhorias imediatamente atraíram moradores mais ricos que começaram a construir aqui casas lindas. As construções coloniais com portas e janelas altas ainda são uma das características de San Telmo.

De farmácia a palco de tango

É claro que um bairro com uma história tão rica oferece muitas atrações. Visite a deslumbrante Farmacia de la Estrella na Calle Defensa – uma antiga farmácia de 1834. O mobiliário original em madeira e o teto primorosamente decorado são uma viagem de volta no tempo. A farmácia é também a entrada do Museo de la Ciudad, localizado no segundo andar, inteiramente dedicado à história de Buenos Aires.



Para mais nostalgia, siga para o Bar El Federal, na esquina de Carlos Calvo com Peru. Este maravilhoso café decorado com anúncios e fotos do século XIX é um lugar ótimo para um drinque. Os fãs de tango vão cair de paixão por El Viejo Almacén, uma pequena casa colonial do século XVIII que possui um dos palcos de tango mais antigos da cidade. Fundado em 1969 pelo famoso cantor argentino de tango Edmundo Rivero, o teatro ainda apresenta shows de tango espetaculares.

Farmacia de la Estrella
Cena típica de rua em San Telmo
A Feira de San Telmo

Um animado mercado de rua

Todo domingo, San Telmo sedia a Feira de San Telmo, um enorme mercado de pulgas e antiguidades que começa na Plaza Dorrego e se espalha pelas ruas vizinhas. É difícil decidir por onde começar, mas nós recomendamos que passeie pela Calle Defensa a partir da Plaza de Mayo. A rua comprida é cheia de barracas de antiguidades, e artistas de rua e dançarinos de tango dão um charme todo especial. Depois, explore o mercado em torno da Plaza Dorrego (todo domingo, das 10h às 17h).

+ Ler mais

Veja no mapa

Plaza Dorrego, Buenos Aires

Créditos das fotos

  • Farmacia de la Estrella: Gobierno de la Ciudad de Buenos Aires, Flickr
  • Cena típica de rua em San Telmo: sunsinger, Shutterstock
  • A Feira de San Telmo: holgs, iStockphoto