KLM uses cookies.

KLM’s websites use cookies and similar technologies. KLM uses functional cookies to ensure that the websites operate properly and analytic cookies to make your user experience optimal. Third parties place marketing and other cookies on the websites to display personalised advertisements for you. These third parties may monitor your internet behaviour through these cookies. By clicking ‘agree’ next to this or by continuing to use this website, you thereby give consent for the placement of these cookies. If you would like to know more about cookies or adjusting your cookie settings, please read KLM’s cookie policy.

Parece que o seu navegador está desatualizado.
Para utilizar todas as funcionalidades de KLM.com de forma segura, recomendamos que você atualize o seu navegador ou que você escolha um diferente. Se continuar com esta versão, é possível que partes do site não sejam exibidas adequadamente, ou que nem sejam exibidas. A segurança de seus dados pessoais também é melhor garantida com um navegador atualizado.

 

Comida deliciosa e lazer em Haga

Nas últimas décadas, o antigo distrito operário de Haga transformou-se numa das zonas mais descoladas de Gotemburgo. As pitorescas casas de madeira deste distrito eram antigamente moradia dos mais pobres da cidade. Hoje, estas casas exibem lojas da moda onde os suecos estilosos procuram itens de moda descolados e depois disputam uma mesa em um dos muitos restaurantes e cafés.

A transformação de Haga começou na década de 1980, quando corretores imobiliários espertos descobriram o potencial das chamadas casas do governador (governor’s houses) nesse distrito. Depois de uma reforma, a arquitetura original destas casas – um andar de pedra, com mais dois andares de madeira em cima – transformou-se em espaços comerciais e residenciais muito atraentes. Desde então, a seleção de lojas de antiguidades, roupas e grifes deste distrito não se compara a nenhum outro lugar da cidade.

Casas coloridas em Gotemburgo
Casas coloridas em Gotemburgo

Gotemburgo

O Hagabadet do século XIX

Relaxe no Hagabadet

Hagabadet, a bela casa de banhos Art Nouveau, foi construída em fins do século XIX pelo filantropo sueco Sven Renström. Os estivadores do porto e os operários das fábricas daquela época dificilmente reconheceriam os banhos públicos: hoje a casa de banhos tornou-se no destino de saúde e bem-estar da elite sueca. Só a arquitetura já vale a visita, mas um típico tratamento de SPA é outro grande motivo para vir para cá. A casa de banhos também oferece um restaurante. Em tempo nublado ou chuvoso, você pode facilmente passar um dia inteiro feliz aqui.

Doces históricos no Café Husaren

No passado, o prédio que hoje abriga o Café Husaren funcionou como farmácia, chapelaria e banco. Mas a mais famosa realização do lugar é a invenção dos “kanelbullar”, ou assim alega o café. Não se sabe muito sobre a origem exata deste pão doce, mas isso não diminui em nada seu sabor delicioso. A iguaria sueca com canela tornou-se um tal sucesso que a Hembakningsrådet (Comissão de Panificadores Caseiros) deu o nome do doce ao seu dia comemorativo: desde 1999, 4 de outubro é conhecido como o dia do “kanelbulle”. Para provar esta delícia doce em um cenário do século XIX, visite este famoso café em Haga Nygata, a rua principal de Haga. Não esqueça de admirar o lindo teto de vidro.

A vista de Skansen Kronan

Aprecie a vista

O forte do século XVII Skansen Kronan fica no topo de Risåsberget, uma colina em Haga. Ele foi construído com uma vista sobre o porto para defender Gotemburgo de uma possível invasão dinamarquesa. A invasão nunca veio e os canhões ficaram sem uso. Hoje, o forte abriga um restaurante, e, no verão, as tendas adjacentes também se transformam em um café. Em dias de sol, os habitantes de Gotemburgo vêm para cá para apreciar a vista da cidade e do porto – especialmente enquanto saboreiam um sorvete ou uma fatia de bolo.

Créditos das fotos

  • O Hagabadet do século XIX: The Hamster Factor, Flickr
  • A vista de Skansen Kronan: mallol, Flickr