KLM uses cookies.

KLM’s websites use cookies and similar technologies. KLM uses functional cookies to ensure that the websites operate properly and analytic cookies to make your user experience optimal. Third parties place marketing and other cookies on the websites to display personalised advertisements for you. These third parties may monitor your internet behaviour through these cookies. By clicking ‘agree’ next to this or by continuing to use this website, you thereby give consent for the placement of these cookies. If you would like to know more about cookies or adjusting your cookie settings, please read KLM’s cookie policy.

Parece que o seu navegador está desatualizado.
Para utilizar todas as funcionalidades de KLM.com de forma segura, recomendamos que você atualize o seu navegador ou que você escolha um diferente. Se continuar com esta versão, é possível que partes do site não sejam exibidas adequadamente, ou que nem sejam exibidas. A segurança de seus dados pessoais também é melhor garantida com um navegador atualizado.

 

Gulangyu: a ilha da música

Enquanto a China é famosa por sua Grande Muralha e pelas grandes cidades tão interessantes, suas ilhas são menos conhecidas. Mas também vale a pena explorá-las, como você verá ao chegar em Gulangyu, logo ao largo da costa de Xiamen. Essa ilha, proibida para os automóveis, é pontilhada de mansões coloniais e praias de areia. A travessia de balsa, de apenas 10 minutos, leva você a um mundo distante do continente agitado.

Xiamen é composta por um trecho de continente e uma ilha que leva o mesmo nome. Navegadores portugueses, ingleses, franceses e holandeses vieram para Xiamen e para as proximidades da Ilha Gulangyu séculos atrás. Apesar de suas tentativas de estabelecer portos lá terem falhado repetidas vezes, eles construíram mansões, consulados, escolas e igrejas que ainda adornam as ruas. A história é especialmente evidente em Gulangyu. Como não há carros na ilha, os pedestres podem aproveitar ao máximo os menos de 2 quilômetros quadrados de praias e patrimônio arquitetônico.

Praia histórica em Gulangyu
Praia histórica em Gulangyu

Xiamen

As praias mais finas de Gulangyu

A areia fina, as palmeiras e uma temperatura média de 21 graus Celsius combinam-se para compor o charme das praias de Gulangyu. Uma trilha sinuosa ao longo da costa liga todas as praias. Aquelas que ficam do lado sul são mais populares, enquanto que as do norte são desertas. A trilha ao redor da ilha passa pela Sunlight Rock, a rocha de 93 metros de altura que oferece uma bela vista de Gulangyu e Xiamen.

Vista da Sunlight Rock

“O hotel butique Lee Inn e seu jardim fechado exalam história”

Dormindo em estilo colonial

Como não existem muitos hotéis em Gulangyu, a maioria dos visitantes toma o barco noturno de volta para Xiamen. Os hotéis que existem aí funcionam em geral em mansões coloniais, tais como o Lee Inn & Coffee House. Sediado em uma construção de 100 anos de idade com colunatas e 17 quartos, esse hotel butique fica em um jardim murado e exala história. Cortinas drapeadas adornam as janelas dos quartos, alguns dos quais possuem banheiras com pés recurvados.

+ Ler mais

Veja no mapa

Lee Inn & Coffee House em Gulangyu, No.38-40 Zhangzhou Road, Gulangyu, Siming District, Xiamen 361002

Silêncio maravilhoso e música de piano

Entrecortando a ilha encontram-se becos onde ainda se podem ver antigos carrinhos de mão. Roupa nos varais e lanternas pendem entre as casas. Gulangyu é abençoada com um silêncio encontrado em poucas aldeias chinesas. Mas ocasionalmente se ouve nas ruas o som de música de piano. No início do século passado, os europeus abriram suas primeiras escolas de música aqui e desde então centenas de ilhéus aprenderam a tocar piano. Gulangyu também tem o único museu do piano na China. Tudo isso conquistou para a ilha o apelido de “Ilha do Piano”.

+ Ler mais

As ruas de Gulangyu

Veja no mapa

Museu do Piano de Gulangyu, No. 45 Huang Yan Road, Gulangyu, China