KLM uses cookies.

KLM’s websites use cookies and similar technologies. KLM uses functional cookies to ensure that the websites operate properly and analytic cookies to make your user experience optimal. Third parties place marketing and other cookies on the websites to display personalised advertisements for you. These third parties may monitor your internet behaviour through these cookies. By clicking ‘agree’ next to this or by continuing to use this website, you thereby give consent for the placement of these cookies. If you would like to know more about cookies or adjusting your cookie settings, please read KLM’s cookie policy.

Parece que o seu navegador está desatualizado.
Para utilizar todas as funcionalidades de KLM.com de forma segura, recomendamos que você atualize o seu navegador ou que você escolha um diferente. Se continuar com esta versão, é possível que partes do site não sejam exibidas adequadamente, ou que nem sejam exibidas. A segurança de seus dados pessoais também é melhor garantida com um navegador atualizado.

 

Luxo histórico: o Queen Victoria Building

Fãs da arquitetura e das compras irão adorar o Queen Victoria Building. Esta beleza do século XIX possui não apenas uma grande quantidade de lojas de luxo, mas também um interior e exterior no estilo Art Déco e Romanesco lindamente preservados. Na verdade, é um milagre que o edifício tenha sobrevivido; até os anos 70, a cidade considerou a possibilidade de demolir a estrutura.

Se estiver buscando o Queen Victoria Building no centro de Sydney, peça indicações para o “QVB”, já que o edifício é conhecido localmente. Este grande edifício abrange todo um quarteirão entre as ruas George, Market, York e Druitt. Dentro dele, você encontrará dezenas de restaurantes de ótima qualidade, cafés, boutiques e lojas. O edifício também apresenta exibições e várias atrações, assim como uma coleção de quatros da rainha, que dá nome ao edifício.

A ilustre história do QVB

Desde sua inauguração em 1898, o QVB tem sido um centro de atividades. Desenhado pelo arquiteto local George McRae, o QVB substituiu o mercado municipal, que costumava ocupar esse mesmo lugar. O novo edifício, desenhado em um imponente estilo Romanesco, foi dedicado à Rainha Victoria para celebrar seu Jubileu de Diamante. Naquela época, o edifício possuía cafeterias, salas de exibições e lojas de departamentos. Empreendedorismo e entretenimento andavam de mãos dadas; o QVB foi até mesmo uma sala de espetáculos, que mais tarde se transformaria em uma biblioteca.

Nos anos 30, o edifício foi completamente reformado para ser a Câmara Municipal de Sydney. Nas décadas seguintes, o interesse de preservar o edifício foi ficando cada vez menor. Entre 1959 e 1971, até se cogitou em demolí-lo. Felizmente, não chegaram a fazê-lo. No começo dos anos 80, um grande projeto de restauração foi aprovado e o edifício foi reformado aos poucos até chegar à sua antiga glória. O lugar foi reaberto em 1986.

Em 2009, o QVB passou por outra grande melhoria através de uma reforma de 34 milhões de euros. Todas as escadas rolantes, elevadores, corrimãos e tapetes foram substituídos e as paredes receberam novo revestimento e pintura. As reformas preservaram o desenho original de George McRae, ao mesmo tempo em que buscaram adequar-se às necessidades de um paraíso das compras do século 21.

+ Ler mais

Visualização no mapa

455 George Street, Sydney

O relógio suspenso

Carta da Rainha

Cada detalhe do Queen Victoria Building foi cuidadosamente restaurado, incluindo os arcos, corrimãos, vitrais e pisos de pedra. A escadaria original do século XIX chama bastante a atenção. Outras partes do edifício também revelam muitos tesouros históricos. O item mais fascinante do lugar é uma carta da Rainha Elizabeth II, endereçada aos moradores de Sydney. Escrita em 1986, a carta permanecerá fechada até 2085, quando o prefeito de Sydney a lerá aos moradores da cidade.

Vitrais pela escadaria

Créditos das fotos

  • O relógio suspenso: gary yim, Shutterstock
  • Vitrais pela escadaria: gary yim, Shutterstock