KLM uses cookies.

KLM’s websites use cookies and similar technologies. KLM uses functional cookies to ensure that the websites operate properly and analytic cookies to make your user experience optimal. Third parties place marketing and other cookies on the websites to display personalised advertisements for you. These third parties may monitor your internet behaviour through these cookies. By clicking ‘agree’ next to this or by continuing to use this website, you thereby give consent for the placement of these cookies. If you would like to know more about cookies or adjusting your cookie settings, please read KLM’s cookie policy.

Parece que o seu navegador está desatualizado.
Para utilizar todas as funcionalidades de KLM.com de forma segura, recomendamos que você atualize o seu navegador ou que você escolha um diferente. Se continuar com esta versão, é possível que partes do site não sejam exibidas adequadamente, ou que nem sejam exibidas. A segurança de seus dados pessoais também é melhor garantida com um navegador atualizado.

 

Um parque natural numa antiga fazenda

A 5 km apenas da agitação de Paramaribo fica uma tranquila reserva natural situada numa antiga fazenda de café – Peperpot Nature Park. Uma trilha de caminhada de fácil acesso conduz pela mata que floresce entre os vestígios de prédios históricos. Hoje a área tornou-se habitat de macacos, pássaros, borboletas e lagartos. Há também uma abundância de plantas tropicais.

Este exuberante parque natural de 700 hectares, do outro lado do Rio Suriname, é perfeito para uma caminhada ou passeio de bicicleta. É fácil chegar a Peperpot Park – apenas uma curta corrida de taxi da cidade. Você também pode alugar uma bicicleta para vir para o parque, ou talvez tomar um ferry ou alugar um barco de madeira (um korjaal ou canoa) para Meerzorg, no distrito de Commewijne. Você pode seguir a conexão leste-oeste para a estrada que leva a Peperpot, para chegar à bilheteria do parque. No caminho, não esqueça que o sentido de circulação do trânsito no Suriname é pela esquerda (o que no Brasil se chama mão inglesa)!

O oásis verde de Peperpot
O oásis verde de Peperpot

Paramaribo

Uma selva viva

O que torna o Peperpot Nature Park tão especial é que esta área relativamente pequena abriga muitas espécies diferentes de árvores e animais. Uma das espécies de plantas é o cafeeiro, semeado por proprietários holandeses de fazendas, séculos atrás. Ainda hoje as plantas são carinhosamente ladeadas pelas perfumadas “kofi-mama", um nome apropriado para a árvore que fornece sombra para os pés de café.


Os visitantes mais atentos rapidamente identificarão bandos de esquilos e macacos-prego balançando-se na floresta. Com frequência, também encontram grandes iguanas, lagartos, borboletas e libélulas. Porém, os habitantes mais atraentes da selva são os pássaros. Procure ver os papagaios, tucanos, íbis, abutres e dezenas de espécies de pássaros canoros tropicais. Em torno do antigo canal de barco que corre paralelo à trilha, cresce muito 'moko-moko', uma planta nativa de pântano que é o local perfeito para nidificação das aves.

“Peperpot era uma das fazendas mais antigas no Suriname”

A fazenda Peperpot

A trilha de 3,2 km leva aos prédios históricos da antiga fazenda. Aqui você encontrará um armazém de café, uma usina e casas de madeira dos administradores. Nas proximidades fica o kampong, ainda habitado, a aldeia onde os escravos e trabalhadores viviam. Peperpot era uma das fazendas mais antigas do Suriname: Em fins do século XVII, os colonos começaram a cultivar tabaco aqui, acrescentando mais tarde café e também cacau. Os canais que ainda correm pela floresta da fazenda eram utilizados para transportar o café para o lago. Os proprietários atuais plantaram canteiros de verduras entre os diques de tijolo dos canais.

O Rio Suriname
Lírios no Fort Nieuw Amsterdam

O Fort Nieuw Amsterdam

Uma visita de meio dia ao Peperpot Nature Park pode muito bem ser combinada com uma visita ao Fort Nieuw Amsterdam, que também fica na margem direita do Rio Suriname. Este forte, que data de 1747, agora sedia um museu ao ar livre, onde os visitantes podem aprender tudo sobre o passado militar da colônia. Graças ao parque ao redor do forte, há muitas belas árvores, plantas e flores nativas para admirar. O muro que cerca a fortaleza oferece uma vista deslumbrante do ponto de confluência dos rios Suriname e Commewijne. Golfinhos fluviais são vistos com frequência aqui.