KLM uses cookies.

KLM’s websites use cookies and similar technologies. KLM uses functional cookies to ensure that the websites operate properly and analytic cookies to make your user experience optimal. Third parties place marketing and other cookies on the websites to display personalised advertisements for you. These third parties may monitor your internet behaviour through these cookies. By clicking ‘agree’ next to this or by continuing to use this website, you thereby give consent for the placement of these cookies. If you would like to know more about cookies or adjusting your cookie settings, please read KLM’s cookie policy.

Parece que o seu navegador está desatualizado.
Para utilizar todas as funcionalidades de KLM.com de forma segura, recomendamos que você atualize o seu navegador ou que você escolha um diferente. Se continuar com esta versão, é possível que partes do site não sejam exibidas adequadamente, ou que nem sejam exibidas. A segurança de seus dados pessoais também é melhor garantida com um navegador atualizado.

 

O shopping center mais louco do mundo

Não é mais o maior shopping center do mundo – este título passou a pertencer ao The Dubai Mall desde 2008 – mas o Mall of the Emirates definitivamente ainda é o shopping center mais louco do mundo. Ele tem uma pista de esqui, um bar après-ski e chalés de esqui, centenas de lojas e cerca de 100 bares e restaurantes. O mall abriga também dois hotéis 5 estrelas, um cinema multiplex e a maior unidade da luxuosa Harvey Nichols fora da Inglaterra.

Homens em caftans brancos perolados abrem caminho pela neve tropeçando nos esquis até chegar ao teleférico. A enorme janela panorâmica no Mall of the Emirates proporciona uma visão surreal de uma pista de esqui no deserto. Tudo muito exuberante – como se pode esperar em Dubai. Esse shopping center é equipado com todas as modernas comodidades, incluindo uma garagem para estacionamento com três andares e 7 mil vagas e uma estação própria de metrô.

Telefones celulares de ouro e garrafas de Chanel

Apesar de todas as suas características especiais, o Mall of the Emirates é, em primeiro lugar e principalmente, um centro de compras – e do tipo bem luxuoso. Os três andares sob a cúpula de vidro abrigam 500 lojas; metade das lojas vendem roupa, desde Chanel e Gucci a Gap e H&M. O shopping também conta com a maior flagship store da Prada no Oriente Médio e a maior unidade fora de Londres da famosa loja de departamentos inglesa Harvey Nichols. A loja oferece uma seleção especial de produtos adaptados ao mercado local, incluindo bolsas de diamante, telefones celular de ouro de 24 quilates e garrafas de um litro do perfume Chanel N°5. A maior loja do Carrefour fora da França é ainda maior, medindo 18.580 metros quadrados.
Se todas essas compras lhe derem sede ou fome, basta sentar em um dos muitos cafés e restaurantes. Da culinária árabe à sul-africana e de fast-food a alta gastronomia, as opções são infinitas. O estabelecimento mais interessante é o restaurante Après, decorado no estilo de um chalé après-ski dos Alpes – claro que é um chalé après-ski muito elegante, já que, afinal de contas, estamos em Dubai.

“O Mall of the Emirates ostenta 3 andares com cerca de 500 lojas”

Esquiando a 35 graus Celsius

24 horas no Mall

O Mall of the Emirates não é só um centro de compras, é um “resort” de compras. O parque de diversões coberto Magic Planet tem dois andares de jogos de computador, corridas e um disco-boliche, um teatro com 543 lugares e um cinema com 14 salas de exibição. Existem tantas atrações que é impossível ver tudo num só dia. Então, que tal passar a noite no Sheraton e aproveitar o spa e a piscina na cobertura? Ou quem sabe você prefira o Kempinski com sua incrível vista do Burj Al Arab?
Emiradenses fazendo compras no Mall

Créditos das fotos

  • Esquiando a 35 graus Celsius: RiumaLab, Shutterstock