KLM uses cookies.

KLM’s websites use cookies and similar technologies. KLM uses functional cookies to ensure that the websites operate properly and analytic cookies to make your user experience optimal. Third parties place marketing and other cookies on the websites to display personalised advertisements for you. These third parties may monitor your internet behaviour through these cookies. By clicking ‘agree’ next to this or by continuing to use this website, you thereby give consent for the placement of these cookies. If you would like to know more about cookies or adjusting your cookie settings, please read KLM’s cookie policy.

Parece que o seu navegador está desatualizado.
Para utilizar todas as funcionalidades de KLM.com de forma segura, recomendamos que você atualize o seu navegador ou que você escolha um diferente. Se continuar com esta versão, é possível que partes do site não sejam exibidas adequadamente, ou que nem sejam exibidas. A segurança de seus dados pessoais também é melhor garantida com um navegador atualizado.

 

O arquipélago duplo de Gotemburgo

Os habitantes de Gotemburgo têm sorte: eles vivem a apenas uma hora e meia de distância dessas lindas ilhas. Barcas regulares cruzam as águas entre a costa sueca e os dois arquipélagos. Embora sejam conjuntamente chamados de Arquipélago de Gotemburgo, cada grupo de ilhas tem suas próprias características. Escolha entre dezenas de destinos agradáveis e desfrute do ar fresco.

O arquipélago do norte (norra skärgården) é o mais acessível e popular entre os viajantes de um só dia. Muitos moradores de Gotemburgo têm uma casa de veraneio aqui. O arquipélago do sul (södra skärgården) é mais tranquilo, mais rural e livre da circulação de carros. Muitos visitantes optam por um passeio de barco pelas ilhas; o arquipélago em si vale uma parada: trilhas de caminhada agradáveis passam por vilarejos e praias pitorescas. Um destino perfeito para os amantes da natureza.

Urze sobre as rochas do arquipélago
Urze sobre as rochas do arquipélago

Gotemburgo

Pôr do sol em Hönö

O arquipélago do norte

Depois de um pequeno percurso de barca de Hisingen para Hönö, Björkö ou Öckerö, pode-se chegar às ilhas menores pela ponte. Com seus muitos hotéis, Öckerö é um bom ponto de partida para os que quiserem passar vários dias no arquipélago. A serena Hönö, logo ao sul de Öckerö, é considerada a mais linda ilha do arquipélago. Aqui você só encontrará algumas pousadas, pubs e, curiosamente, um museu do peixe. Para provar as iguarias locais, visite Hönökakan, um café no porto de Klåva. O pão macio e fino, que dá nome ao café, é assado no local.

Halleskär
Styrsö

O arquipélago do sul

Chega-se às ilhas do arquipélago do sul por barcas que saem de Saltholmen, que fica a apenas 10 minutos de bonde do centro de Gotemburgo. Styrsö tem uma pousada popular, uma excelente base para explorar a ilha. Para visitar vários locais em um mesmo dia, o melhor é reservar um passeio organizado de barco. O transporte nas ilhas é limitado: a circulação de carros é proibida. Porém, os moradores das ilhas são conhecidos por suas soluções criativas: antigamente, as esposas dos pescadores de Köpstadsö esperavam seus maridos cansados no porto com um carrinho de mão, para empurrá-los para casa dentro deles, a tempo de jantar. Känsö é completamente inacessível para os visitantes: as ricas fauna e flora da ilha só podem ser admiradas da água.

Créditos das fotos

  • Pôr do sol em Hönö: Jacob Wodzynski, Flickr
  • Halleskär: Göran Höglund (Kartläsarn), Flickr
  • Styrsö: magro_kr, Flickr