KLM uses cookies.

KLM’s websites use cookies and similar technologies. KLM uses functional cookies to ensure that the websites operate properly and analytic cookies to make your user experience optimal. Third parties place marketing and other cookies on the websites to display personalised advertisements for you. These third parties may monitor your internet behaviour through these cookies. By clicking ‘agree’ next to this or by continuing to use this website, you thereby give consent for the placement of these cookies. If you would like to know more about cookies or adjusting your cookie settings, please read KLM’s cookie policy.

Parece que o seu navegador está desatualizado.
Para utilizar todas as funcionalidades de KLM.com de forma segura, recomendamos que você atualize o seu navegador ou que você escolha um diferente. Se continuar com esta versão, é possível que partes do site não sejam exibidas adequadamente, ou que nem sejam exibidas. A segurança de seus dados pessoais também é melhor garantida com um navegador atualizado.

 

A muralha mais longa do mundo

A Grande Muralha da China percorre desertos e planícies, sobre montanhas e planaltos, como um dragão chinês. O comprimento da estrutura é estimado em 8.852 quilômetros. Nem todas as partes da Grande Muralha foram preservadas em boas condições, e milhares de anos de história certamente deixaram suas marcas. Pequim é um excelente ponto de partida para visitar tanto as partes restauradas quanto os trechos mais autênticos da Grande Muralha.

O ponto mais ocidental da Grande Muralha está próximo à Jiayuguan, no coração do deserto de Gobi, e termina no Mar da China Oriental a 2.300 quilômetros de distância. Na verdade não há apenas uma, mas várias Grandes Muralhas. Os primeiros trechos foram construídos no século VII A.C., e a Grande Muralha se estendeu através das muitas dinastias chinesas como defesa contra invasões do norte e para fortalecer o prestígio dos imperadores.

As cobras da Grande Muralha nos topos da montanha
As cobras da Grande Muralha nos topos da montanha

Pequim

Movimentada mas muito linda

Museu da Grande Muralha da China e de Badaling

O trecho da Grande Muralha em Badaling foi muito bem restaurada. Construída na Dinastia Ming, este trecho é facilmente acessível de Pequim já que fica a apenas 70 quilômetros do centro da capital chinesa. Uma desvantagem de ser tão próxima a Pequim é que o local pode ficar bastante cheio, mas se você tiver energia suficiente, caminhe para leste ou oeste até encontrar um trecho mais calmo. Em Badaling também se encontra o Museu da Grande Muralha da China, dedicado à construção da Grande Muralha e à história das dinastias.

A intacta Jinshanling

Um dos trechos mais intactos da Grande Muralha está localizado próximo ao vilarejo de Jinshanling, 125 quilômetros ao nordeste de Pequim. É possível admirar muitos atributos originais em seus 10 quilômetros de extensão. Foi decidido que este trecho permaneceria em sua condição original, então pode ser necessário escalar um pouco. Também é possível passar a noite no vilarejo, que em maio de todos os anos recebe a Maratona da Grande Muralha.

+ Ler mais

Um trecho autêntico da muralha em Jinshanling

O especialista em corrida

O geólogo e geógrafo britânico William Lindesay correu 2.470 quilômetros da Grande Muralha em 1987, percorrendo toda esta distância sozinho. Ele vem pesquisando a Grande Muralha desde então, e em 2011 liderou uma expedição até a Mongólia, onde ele descobriu um trecho da Grande Muralha que tinha sido esquecido desde a época de Genghis Kahn. Lindesay também organiza excursões pela muralha para qualquer aventureiro interessado!

Onde a muralha encontra o mar

Muralha ao lado do mar

A Grande Muralha se encontra com o Golfo de Bohai na parte mais ao norte do Mar da China Oriental, em Shanhaiguan. A aproximadamente 300 quilômetros de Pequim, este belo lugar pode ser facilmente acessado em uma viagem de duas horas e meia no trem expresso. Este trecho da Grande Muralha foi construído durante a dinastia Ming e se estende por 20 metros mar adentro. Para os locais ela parecia um dragão bebendo água, por isso o nome Laolongtou, velha cabeça de dragão.

+ Ler mais

Visualização no mapa

Laolongtou, 5 quilômetros ao sul de Shanhaiguan, província de Hebei

Créditos das fotos

  • Movimentada mas muito linda: Louise Cukrov, Shutterstock
  • Onde a muralha encontra o mar: Toby Simkin, Flickr