KLM uses cookies.

KLM’s websites use cookies and similar technologies. KLM uses functional cookies to ensure that the websites operate properly and analytic cookies to make your user experience optimal. Third parties place marketing and other cookies on the websites to display personalised advertisements for you. These third parties may monitor your internet behaviour through these cookies. By clicking ‘agree’ next to this or by continuing to use this website, you thereby give consent for the placement of these cookies. If you would like to know more about cookies or adjusting your cookie settings, please read KLM’s cookie policy.

Parece que o seu navegador está desatualizado.
Para utilizar todas as funcionalidades de KLM.com de forma segura, recomendamos que você atualize o seu navegador ou que você escolha um diferente. Se continuar com esta versão, é possível que partes do site não sejam exibidas adequadamente, ou que nem sejam exibidas. A segurança de seus dados pessoais também é melhor garantida com um navegador atualizado.

 

A praia mais famosa do mundo: Copacabana

Copacabana é sem sombra de dúvida a praia mais famosa do mundo. A avenida à beira-mar foi projetada pelo arquiteto brasileiro Roberto Burle Marx, Ginger e Fred dançaram no Hotel Copacabana Palace, e celebridades como Marlene Dietrich e Lady Diana estiveram aqui. A praia ao longo da baía em forma de lua crescente tem muitos metros de largura e fica situada magnificamente entre formações rochosas e palmeiras balançantes. Aqui há sempre movimento: do amanhecer até muito depois do pôr do sol.

O majestoso hotel Art Deco “Copa, Co-pa-ca-baaa-na” Palace inspirou Barry Manilow a compor seu sucesso mundial na década de 1970. Ao contrário do que sugere o título, a canção “Copacabana” não é sobre uma praia ou um hotel, mas sobre uma casa noturna (“o lugar mais quente ao norte de Havana”). Apesar disso, a ideia da canção nasceu aqui depois de uma acalorada discussão no bar do hotel sobre se alguma vez existiu uma canção com este título. O Hotel Copacabana Palace passou recentemente por grande reforma e agora parece novo. A vizinhança também recuperou um pouco de seu antigo charme.

A praia de Copacabana ao pôr do sol
A praia de Copacabana ao pôr do sol

Rio de Janeiro

O calçamento em forma de onda em pedras brancas e pretas

Remando no mar

Chega-se facilmente a Copacabana de metrô. Salte na estação Siqueira Campos, localizada no coração do bairro, a apenas quatro quarteirões da praia. A faixa no primeiro quilômetro da praia, chamada Praia do Leme, é mais calma. Em frente ao luxuoso Hotel Windsor Atlântica guardas de segurança ficam de olho na praia, já que nadar aqui pode ser perigoso: as ondas são fortes, o fundo do mar tem valas profundas, e a correnteza é em geral traiçoeira. Apesar disso, remar é bem agradável e refrescante.

A pitoresca Praia de Copacabana

Copacabana é retratada em muitos cartões postais – principalmente devido à sua linda praia e ao notável padrão de calçamento. Dia sim e outro também, milhares de cariocas e turistas passeiam e correm pela famosa calçada de ondas feita em mosaico de pedras pretas e brancas, projetada por Roberto Burle Marx. A praia é o lugar para bronzear-se, jogar futevôlei e flertar. Os quiosques da praia vendem coco gelado, cerveja Brahma super gelada e caipirinhas feitas na hora. Durante o dia, tanto cariocas como turistas ocupam a avenida à beira-mar para fazer compras e comer; depois que o sol se põe, dançam a noite toda nas casas noturnas mais quentes ao sul de Havana. A vida é maravilhosa na praia de Copacabana.

“Os quiosques da praia vendem coco gelado, cerveja Brahma super gelada e caipirinhas feitas na hora”