KLM uses cookies.

KLM’s websites use cookies and similar technologies. KLM uses functional cookies to ensure that the websites operate properly and analytic cookies to make your user experience optimal. Third parties place marketing and other cookies on the websites to display personalised advertisements for you. These third parties may monitor your internet behaviour through these cookies. By clicking ‘agree’ next to this or by continuing to use this website, you thereby give consent for the placement of these cookies. If you would like to know more about cookies or adjusting your cookie settings, please read KLM’s cookie policy.

Parece que o seu navegador está desatualizado.
Para utilizar todas as funcionalidades de KLM.com de forma segura, recomendamos que você atualize o seu navegador ou que você escolha um diferente. Se continuar com esta versão, é possível que partes do site não sejam exibidas adequadamente, ou que nem sejam exibidas. A segurança de seus dados pessoais também é melhor garantida com um navegador atualizado.

 

As Keys tropicais

Cerca de 1.700 ilhas repletas de palmeiras, rodeadas por água azul clara e somente acessíveis por uma autoestrada de 205 quilômetros de comprimento sobre o oceano… Bem-vindo às Florida Keys. Esse grupo de ilhas, em geral chamadas “Caribe” dos Estados Unidos, oferecem uma grande variedade de atividades aquáticas, da pesca e mergulho à vela e ao kitesurf. Pegue a autoestrada para o mar e descubra as cores das Keys!

Mar a perder de vista – esta é a visão que predomina quando se vai de carro da Flórida para Key West, a ilha mais a oeste das Keys e o ponto mais meridional dos Estados Unidos. Das centenas de ilhas que compõem as Keys, apenas algumas poucas dezenas são habitadas. Os habitantes originais das Keys vieram das Bahamas e eram chamados de “conchos”. Hoje em dia, passou a ser um nome comum a todos os habitantes do grupo de ilhas.

A ensolarada Key West

Cultura em Key West

Sem dúvida, a ilha mais popular é a Key West. Além de seu clima tropical descontraído, tão típico das Keys, esta ilha também tem uma vibe urbana. A animada Duval Street tem dezenas de casas noturnas, bares e restaurantes. Alugar uma bicicleta é uma ótima maneira de ter uma boa visão geral da ilha. No passado, Key West foi o lar do escritor Ernest Hemingway, que aqui viveu e trabalhou em seus livros de 1931 a 1939. Sua casa na Whitehead Street é agora um museu. Os móveis do prédio colonial são os mesmos de quando Hemingway viveu aqui. Sloppy Joe’s, o bar que era frequentado assiduamente pelo escritor, também merece uma visita – ainda mais depois que Hemingway batizou o bar, cujo nome original era o Silver Slipper.

Pesca do tarpão (pirapema)

Nem precisa dizer que as Keys são fantásticas para pescar. Um peixe que todo pescador quer fisgar pelo menos uma vez em sua vida é o tarpão (tarpon), conhecido no Brasil por pirapema ou camurupim. Esse peixe incrivelmente forte vive nas águas em torno das Keys e pode ser pescado o ano inteiro, mas as maiores chances de sucesso vão de março a julho. Uma quantidade de barcos parte da ilha de Islamorada e Key West em particular. O guia sabe exatamente onde ficar para fisgar esses monstros.
Um tarpão no meio de um cardume de peixes
Raios de sol iluminam o coral

Recifes coloridos de coral

As Lower Keys são as ilhas menos desenvolvidas do conjunto e são famosas por sua linda natureza. Estas ilhas são particularmente populares entre os mergulhadores. O gigantesco Looe Key Reef (recife Looe Key) é espetacular. As paredes de pedra são cobertas de coral duro e mole, com peixes coloridos de cores vivas nadando ao redor. Também se pode mergulhar em barcos naufragados nas Lower Keys. O Adolphus Busch Sr. naufragou aqui em 1998. Agora que ele repousa no fundo do mar, abriga uma enorme variedade de vida marinha.