KLM uses cookies.

KLM’s websites use cookies and similar technologies. KLM uses functional cookies to ensure that the websites operate properly and analytic cookies to make your user experience optimal. Third parties place marketing and other cookies on the websites to display personalised advertisements for you. These third parties may monitor your internet behaviour through these cookies. By clicking ‘agree’ next to this or by continuing to use this website, you thereby give consent for the placement of these cookies. If you would like to know more about cookies or adjusting your cookie settings, please read KLM’s cookie policy.

Parece que o seu navegador está desatualizado.
Para utilizar todas as funcionalidades de KLM.com de forma segura, recomendamos que você atualize o seu navegador ou que você escolha um diferente. Se continuar com esta versão, é possível que partes do site não sejam exibidas adequadamente, ou que nem sejam exibidas. A segurança de seus dados pessoais também é melhor garantida com um navegador atualizado.

 

A Willis Tower: ícone de Chicago

Um arranha-céu preto com duas antenas altas: a Willis Tower (Torre da Willis) define a skyline de Chicago melhor que qualquer outro edifício. Essa estrutura tem 110 andares e 442 metros de altura. A vista do Skydeck é fenomenal. Em um dia claro é possível ver até 4 estados diferentes.

Quando a torre foi inaugurada em 1973, era o edifício mais alto do mundo. No início era conhecida como Sears Tower, recebendo o nome da empresa que a construiu: Sears Roebuck and Company. Mesmo quando a empresa se mudou, no final da década de 1980, a torre continuou conhecida como Sears Tower. Mas, em 2009, ela passou a se chamar Willis Tower, devido a um acordo de arrendamento com o Willis Group Holdings.

A Willis Tower domina a skyline de Chicago
A Willis Tower domina a skyline de Chicago

Chicago

O sonho da Sears

Os anos 1960 foram a era de ouro da Sears Roebuck and Co. Nessa época, a empresa era a maior rede varejista e fazia um estrondoso sucesso. Por isso, a Sears queria ter sua sede no centro de Chicago, onde poderia acomodar 13 mil de seus cerca de 350 mil empregados. Os primeiros planos eram bastante modestos, mas os arquitetos e corretores convenceram a Sears a construir uma torre alta com apartamentos nos andares superiores.
Em 1970, a empresa anunciou que estava construindo a torre mais alta do mundo. A Sears Tower era pouco mais de 24 metros mais alta que o World Trade Center da Cidade de Nova York. Por várias décadas a torre manteve seu recorde de altura, mas em 1998 ela foi superada pelas Petronas Twin Towers em Kuala Lumpur. Hoje, o novo One World Trade Center em Nova York é mais alto que a Willis Tower – graças à agulha de iluminação em seu topo. Consequentemente, o 1 WTC é também o edifício mais alto dos Estados Unidos.

A Willis Tower vista do centro de Chicago
A vista olhando de The Ledge para baixo

Um cubo de vidro sobre a cidade

Com cerca de 25 mil visitantes por dia, a Willis Tower é uma das principais atrações de Chicago. Um elevador de alta velocidade leva os visitantes instantaneamente até o 103º andar, onde o Skydeck proporciona vistas deslumbrantes de toda a cidade. Com sorte, você será capaz de ver quatro estados diferentes: Michigan, Indiana, Wisconsin e, claro, o próprio Illinois. The Ledge é verdadeiramente espetacular: 2 cubos de vidro projetam-se quase 1,5 m para fora da fachada da Torre. O fundo de The Ledge é também de vidro, possibilitando que se olhe diretamente para baixo de uma altura estonteante. As pessoas lá embaixo parecem ter o mesmo tamanho que os pequenos bonecos de Lego.