Parece que o seu navegador está desatualizado.
Para utilizar todas as funcionalidades de KLM.com de forma segura, recomendamos que você atualize o seu navegador ou que você escolha um diferente. Se continuar com esta versão, é possível que partes do site não sejam exibidas adequadamente, ou que nem sejam exibidas. A segurança de seus dados pessoais também é melhor garantida com um navegador atualizado.

 

De volta para o passado em Suomenlinna

Helsinque é cercada por numerosas ilhas. O arquipélago mais conhecido é Suomenlinna. Graças às muitas construções históricas bem preservadas, uma visita aqui é como viajar de volta para o passado. Uma das maiores atrações é a fortaleza do século XVIII que foi declarada pela UNESCO Patrimônio da Humanidade, em 1991.

A barca que sai do porto de Helsinque para a ilha leva cerca de 20 minutos para chegar. No percurso você verá lindas vistas da cidade, grandes navios e várias ilhas pequenas, algumas habitadas, outras não. Suomenlinna tem aproximadamente 900 moradores. A ilha oferece uma grande rede de trilhas de caminhada, restaurantes, lojas e até uma praia.

Um paraíso para os que gostam de museus

Com seus 6 museus, Suomenlinna é um destino popular entre os apaixonados por museus. O Suomenlinna Museum exibe um vídeo sobre a construção da fortaleza, as batalhas que aí ocorreram e a vida cotidiana na ilha. Instalado na antiga residência do comandante do exército, o Ehrensvärd Museum no pátio da fortaleza tem um interior lindamente restaurado. A coleção inclui modelos de navios, armas e várias pinturas de Suomenlinna no século XVIII.
As crianças vão se divertir no Toy Museum (Museu do Brinquedo), recheado de trens, soldadinhos em miniatura, casas de bonecas e outros brinquedos. As peças mais antigas da coleção remontam ao início do século XIX. Em si mesmo um museu, o submarino Vesikko, de 1933, é uma atração muito popular. Depois da Segunda Guerra Mundial, o Tratado de Paris proibiu a Finlândia de ter submarinos. Todas as embarcações existentes foram destruídas, exceto o Vesikko. Suomenlinna também sedia o Military Museum (Museu Militar) e o Customs Museum (Museu da Alfândega).
O submarino Vesikko, de 1933
A fortaleza de Suomenlinna

“História, cultura e natureza de Suomenlinna”

A história da fortaleza

A construção da fortaleza teve início em 1748 para proteger o país contra os russos, no tempo em que a Suécia dominava a Finlândia. A fortaleza chamava-se originalmente Sveaborg (“Fortaleza Sueca”). Alguns anos depois, acrescentou-se o imponente King’s Gate para comemorar a visita do rei sueco Adolf Fredrik. Contudo a fortaleza não foi suficiente para conter os russos na baía, e em 1808 a Finlândia foi conquistada. Mais de um século depois, a Finlândia declarou sua independência, e finalmente a fortaleza tornou-se propriedade finlandesa. O nome já diz tudo: Suomenlinna (“Fortaleza Finlandesa”).
Durante a construção da fortaleza em Suomenlinna, foram erigidas casas de madeira para os soldados e oficiais; estas ainda são habitadas ou foram convertidas em estúdios, restaurantes ou galerias de arte. Nas últimas décadas, Suomenlinna tornou-se uma agradável extensão de Helsinque, livre de automóveis. Os moradores da capital finlandesa lotam o lugar para um passeio cultural, um piquenique, uma caminhada ou um dia na praia.