Parece que o seu navegador está desatualizado.
Para utilizar todas as funcionalidades de KLM.com de forma segura, recomendamos que você atualize o seu navegador ou que você escolha um diferente. Se continuar com esta versão, é possível que partes do site não sejam exibidas adequadamente, ou que nem sejam exibidas. A segurança de seus dados pessoais também é melhor garantida com um navegador atualizado.

 

Visitando a rainha

Amalienborg é a residência de inverno da família real dinamarquesa, localizada bem no centro de Copenhagen. O complexo é composto por 4 palácios e é um exemplo maravilhoso do famoso estilo rococó dinamarquês. Dois desses palácios estão abertos ao público. Amalienborg é protegido pela guarda real. A troca diária da guarda nas ruas de Copenhagen atrai centenas de espectadores.

A construção data de 1750 e foi erigida em homenagem ao 300º aniversário da monarquia. O terreno foi dado a 4 nobres que decidiram construir 4 palácios idênticos. Os edifícios foram projetados pelo arquiteto Nicolai Eigtved, e 3 palácios receberam o nome desses nobres. O quarto palácio recebeu o nome da Condessa Anna Sophie Schack, porque um dos nobres, Løvenskiold, foi obrigado a vender seu palácio.

Palácio do Rei Christian VII
Palácio do Rei Christian VII

Copenhague

A residência da Rainha

Quando a antiga residência real de Christiansborg foi destruída num incêndio em 1794, o Rei Christian VII e sua família tiveram que encontrar um novo lugar para morar. Eles se mudaram para o Palácio Moltke e o Palácio Schack. O Palácio Moltke é a ala oeste de Amalienborg e recebeu assim o nome do Rei. Atualmente é usado como residência de hóspedes e fica aberto ao público quando não há convidados hospedados. A Rainha Margrethe II vive no Palácio Schack, que forma a ala sul.

Os outros dois palácios também foram rapidamente transformados em residências reais. A ala norte é composta pelo Palácio Levetzau; o térreo abriga um museu e contém a biblioteca da Rainha Margrethe. O piso superior contém o apartamento do Príncipe Joachim. A residência do Príncipe Herdeiro Frederik e sua família fica na ala leste de Amalienborg, no Palácio Brockdorff.

Embora o Castelo de Christiansborg tenha sido reconstruído depois do incêndio, a família real preferiu ficar em Amalienborg. Desde então, o palácio tornou-se a residência oficial da família real dinamarquesa. Dois dos 4 palácios estão abertos ao público: o Palácio Levetzau e o Palácio Moltke. Em seu interior pode-se admirar as relíquias da realeza, o mobiliário exclusivo, tapeçarias e retratos. O ano inteiro há exposições especiais sobre a família real dinamarquesa.

+ Ler mais

Veja no mapa

Amalienborg Slotsplads, 1257 København K, Denmark

Amalienborg visto da praça octogonal
A troca da guarda

A troca da guarda

“Den Kongelige Livgarde” (a Guarda Real) protege Amalienborg noite e dia. Diariamente às 11h30, os guardas saem do castelo de Rosenborg e marcham pelas ruas de Copenhagen até Amalienborg, onde ao meio-dia ocorre a troca da guarda – uma cerimônia impressionante. Os guardas se vestem com uniformes de cores vivas e usam chapéus de pelo de urso. Confira se a bandeira está hasteada no Palácio Schack – isso significa que a Rainha Margrethe está em casa e que a troca da guarda será acompanhada por música.

Créditos das fotos

  • A troca da guarda: Doris Ziegeldorf, 123rf